Se entregamos a Deus nossos pensamentos acelerados encontramos a paz que vem do Senhor - Altair Fonseca
podemos vencer nossos pensamentos acelerados
Quadrinhos Católicos

Se entregamos a Deus nossos pensamentos acelerados encontramos a paz que vem do Senhor

Não são poucas as pessoas que sofrem com pensamentos acelerados em diversas partes do dia. Vivemos cercados de coisas que são “para ontem” e diversos estímulos estressantes roubam a nossa paz. Porém, isso tudo só acontece quando permitimos que as coisas exteriores roubem a nossa paz interior. O Deus da vida também é o Senhor da paz, da calma e do amor, e quando vivemos direcionando tudo a Ele encontramos o equilíbrio.

Veja também:

Podemos vencer os pensamentos acelerados pela graça de Deus

Ao ler a vida dos santos percebemos muitas inspirações para a nossa vida. Por exemplo, todos eles confiavam inteiramente no Senhor e entregavam sem reservas todas as suas inquietações. Um coração que se abre totalmente diante do Deus que é amor nunca fica sem respostas. Por isso, se diante de todas as realidades presentes você tem sofrido com os pensamentos acelerados, entregue a Deus em oração tudo o que te aflige e perceba que gradativamente o seu coração vai se acalmando.

Vencendo os pensamentos acelerados
Vencendo os pensamentos acelerados

Entregue seu caminho a Deus

A Palavra de Deus possui vários textos sobre caminhos e escolhas que tomamos ao longo da vida e como devemos entregar tudo a Deus. Mesmo que tentemos fazer as coisas do nosso jeito, o Senhor é capaz de penetrar os corações e perceber nossas intenções. Além disso, é Ele que faz prosperar o trabalho de nossas mãos, por isso, devemos parar de atrapalhar Deus com a nossa teimosia.

Entregue seu caminho a Deus
Entregue seu caminho a Deus

O preguiçoso morre com seus desejos

Entregar seus caminhos a Deus não quer dizer rezar e cair numa preguiça que imobiliza. A graça de Deus é abundante para aqueles que têm fé, mas a fé nos leva a fazer a nossa parte. Aliás, se não fazemos a nossa parte o milagre de Deus não acontece. Nas bodas de Caná, os empregados carregaram aproximadamente 600 litros de água e só depois de seus esforços Jesus transformou em vinho. Na multiplicação, foram oferecidos alguns pães e uns peixinhos. Jesus não realiza o milagre a partir do nada e em todas essas ocasiões algo foi oferecido. O que estamos oferecendo?

O preguiçoso morre com seus desejos
O preguiçoso morre com seus desejos

Que essas palavras possam nos levar a meditar sobre o que temos oferecido a Deus e sobre como lidamos com os pensamentos acelerados. A falta de confiança em Deus causa inquietação, mas a fé traz paz. Que o Senhor possa moldar nossos corações pela força do Espírito Santo que dá vida nova a todos nós.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *