A história da torrada queimada nos ensina sobre as palavras que ferem - Altair Fonseca
A torrada queimada
Belas Histórias

A história da torrada queimada nos ensina sobre as palavras que ferem

Você já parou para pensar no poder das palavras na vida de alguém? A maneira como falamos com as pessoas pode causar traumas ou levar a cura para os corações machucados. O que você tem sido para as pessoas com as quais convive? Hoje vamos refletir a partir da história da torrada queimada.

Veja também:

A história da torrada queimada

Uma noite, minha mãe fez o jantar depois de um dia duro de trabalho. Ela colocou um prato de ovos, salada e torrada queimada na frente do meu pai.

Notei imediatamente, a torrada queimada e eu estava esperando para ver se ele ia reclamar, mas meu pai começou a comer, sorrindo e me perguntou como foi meu dia na escola.

Minha mãe pediu desculpas ao meu pai pela torrada queimada. Jamais esquecerei sua resposta a ela: “Querida, adoro torradas queimadas”.

Mais tarde, quando fui para a cama e meu pai veio me dar um beijo de boa noite, perguntei se ele gostava mesmo da torrada queimada.

Ele me abraçou e disse: Sua mãe teve um dia difícil e ela está muito cansada. Ela se esforçou para preparar esta refeição para nós, por que culpá-la e magoá-la? Torrada queimada nunca fez mal a ninguém, mas as palavras podem ser muito dolorosas“. ❤️

O efeito das palavras

Precisamos aprender a valorizar o que os outros fazem por nós, mesmo que não seja perfeito, porque é a intenção de fazer bem que conta. Nessas horas, uma palavra faz toda a diferença e pode ter um efeito de cura ou de maldição. Sabemos o que trazemos em nossos corações, mas não sabemos o que se passa no coração das pessoas que estão à nossa volta, mas Deus sonda os corações. O que podemos fazer é sempre nos colocar no lugar dos outros e ter um olhar de caridade para com o próximo.

Deus sonda os corações
Deus sonda os corações

Que você e eu possamos entregar nossos corações a Deus com sinceridade, confiando na Sua infinita misericórdia. Ele nos entende como ninguém é capaz de entender e nos auxilia como nenhuma pessoa poderia. Pois então, devemos repetir com confiança: “meu Senhor e meu Deus, eu creio, mas aumenta a minha fé”.

Autor

Filho muito amado de Deus, Católico Apostólico Romano, amante de quadrinhos e livros, Altair Fonseca busca neste espaço partilhar conteúdos que nos ajudam na caminhada para o Céu. Formado em Publicidade e Propaganda, trabalha em assessoria de comunicação, além de ser ilustrador.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.