Clicky

Padre Paulo Ricardo, padre Adriano Zandoná e padre José Augusto alertam que tem muita gente brincando com a salvação eterna - Altair Fonseca
Padre Paulo Ricardo padre Adriano Zandoná e padre José Augusto
Reflexões e Meditações

Padre Paulo Ricardo, padre Adriano Zandoná e padre José Augusto alertam que tem muita gente brincando com a salvação eterna

Tem muita gente brincando com a salvação eterna e os bons sacerdotes estão atentos para alertar sobre essa realidade. Por exemplo, em algumas de suas recentes homilias, padre Paulo Ricardo, padre Adriano Zandoná e padre José Augusto denunciaram a desobediência e a insensibilidade da humanidade que podem conduzir muitas pessoas ao inferno. Vamos refletir com algumas frases dos sacerdotes a seguir.

Veja também: Você já tentou estudar a eternidade?

Vivemos um tempo de grande desobediência a Deus

Padre José Augusto, em uma de suas homilias gravadas para o seu canal, disse: “Se Deus fala para viver os mandamentos, a pessoa não quer viver os mandamentos; se Deus chama para viver os sacramentos, a pessoa não quer viver os sacramentos; se Deus diz ‘fuja do pecado’, a pessoa não foge do pecado. Mas quando se refere às coisas do mundo, a sensibilidade é muito grande. Você vê que há uma abertura ao pecado, há uma abertura do coração do ser humano à ofensa a Deus”.

Vivemos um tempo de grande desobediência a Deus, que quer o melhor para a humanidade e apresenta uma opção de amor, mesmo em meio às dificuldades, que termina com a felicidade eterna. O projeto do maligno envolve prazeres momentâneos mas termina com a condenação eterna. Envolvidas nas armadilhas de satanás, as pessoas estão escolhendo o caminho largo, o que é aparentemente mais fácil e prazeroso, mas terão uma terrível surpresa se não se arrependerem.

Vivemos um tempo de grande desobediência a Deus
Vivemos um tempo de grande desobediência a Deus

Inscreva-se no canal do padre José Augusto OFICIAL no YouTube.

Não brinque com a sua salvação!

Padre Adriano Zandoná, em uma de suas homilias gravadas para o seu canal, disse: “Deus respeita muito a nossa liberdade, mas saiba que quando você livre e espontaneamente escolhe viver sem Deus, você vai viver sem Ele para sempre, por toda a eternidade. Ou seja, a consequência disso é a perda da graça, a perda da salvação”.

Falando bem abertamente, você é livre para destruir-se no pecado, abrir mão da sua salvação eterna e condenar-se a um sofrimento sem fim no inferno. Aqueles que te amam e querem o seu bem têm o dever de te alertá-lo se você estiver no erro, mas a decisão por mudar de vida é só sua. Rezemos pela conversão de todos os pecadores, a começar por nós mesmos, com nossas faltas e misérias. Precisamos, todos os dias, pedir que a graça de Deus nos ajude a seguir o reto e estreito caminho que conduz ao céu.

Não brinque com a sua salvação
Não brinque com a sua salvação

Inscreva-se no canal do padre Adriano Zandoná no YouTube.

Permita que a Verdade reorganize a sua vida

Padre Paulo Ricardo, em uma de suas homilias gravadas para o seu canal, disse: “Uma vez que eu sigo a Verdade, pode ser que ela ‘desmonte’ a minha vida, mas na verdade está montando a minha vida do jeito certo”.

Quem tem humildade, ao reconhecer a verdade, permite que ela transforme a sua vida. A Verdade, com “V” maiúsculo é uma pessoa: Jesus Cristo. Pois bem, quando uma pessoa tem um encontro pessoal com o Senhor, sua vida vai sendo totalmente remodelada e a trama da existência passa a fazer sentido. Mesmo que exista um conflito inicial, como em toda mudança, depois do trabalho pesado, podemos encontrar repouso e paz. Que Deus abençoe você na sua caminhada espiritual.

Permita que a Verdade reorganize a sua vida
Permita que a Verdade reorganize a sua vida

Inscreva-se no canal do padre Paulo Ricardo no YouTube.

Autor

Filho muito amado de Deus, Católico Apostólico Romano, amante de quadrinhos e livros, Altair Fonseca busca neste espaço partilhar conteúdos que nos ajudam na caminhada para o Céu. Formado em Publicidade e Propaganda, trabalha em assessoria de comunicação, além de ser ilustrador.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *